O Naturismo na Dança

Assim como o nu é a coisa mais sublime em toda a arte, deve ser mais sublime na dança, porque dançar é o ritual religioso da beleza física.  ” Isadora Duncan”

M~ SUN0711-dance
M~ SUN0711-dance

A inspiração como influxo artístico-espiritual. A leveza propiciando movimentos delicados, tênues. A sensualidade exorbita e excita os prazeres dos sentidos. A dança, na sua mais forte e representativa pujança, onde a sucessão rítmica de passos, os saltos, as deslocações corporais, ao compasso musical, tornam-se maravilhosamente belos quando o corpo está totalmente revelado, a descoberto. O nu como recurso de desempenho, a arte cênica revelando-se impar, indivisível. Na plenitude da entrega nos envolvemos, exploramos as possibilidades e temos a oportunidade de conhecer outros mundos no real imaginário. Somos o retrato da criação, imagem refletida na “dança nua” divinamente retocada.

Veja matéria completa aqui.

Equipe OS NATURISTAS

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s